Dicas para se tornar um gestor mais proativo

Ser um gestor proativo é ser antecipatório. Confira agora mesmo quais são as melhores práticas para afiar suas habilidades de proatividade e liderança.

Um dos maiores desafios de ser gestor é encontrar formas efetivas de liderar, não é mesmo? Ser proativo ao ponto de tornar positivos o ambiente, os processos e os relacionamentos de trabalho pode ser uma tarefa complicada.
Ainda assim, a proatividade do líder é uma das competências mais capazes de tornar esses aspectos satisfatórios em uma equipe. Por isso, você deve aprender como desenvolvê-la, mas não só no ambiente profissional. Saber antecipar e estar preparado para lidar com a rotina e os procedimentos do seu setor é um pré-requisito. Porém, suas estratégias como gestor serão muito mais eficientes se você for uma pessoa proativa em todos os aspectos da vida.
Quer aprimorar a sua capacidade de liderança por meio da proatividade? Confira a seguir algumas práticas que vão te tornar um gestor mais efetivo!

Entenda a diferença entre liderança e gerenciamento

É comum você utilizar o seu tempo atuando na etapa executiva dos processos do time que você gerencia? Se sim, você precisa repensar essa atitude agora mesmo.
Por exemplo, vamos considerar que você se responsabiliza por realizar a revisão de relatórios mensais dos clientes da empresa. Porém, esse tempo gasto em revisão é um período valioso. Ele poderia ser melhor aproveitado se você preparasse um manual de elaboração de relatórios, e aplicasse um treinamento nos colaboradores para que eles passassem a fazê-los.

Gestão de pessoas no varejo: por que é preciso inovar?

Já pensou como essa abordagem iria criar uma responsabilidade maior e bem direcionada nos componentes da equipe? Com isso, essas pessoas teriam uma visão ampliada dos resultados que sua atuação promove. Sem dúvidas, isso gera um clima positivo de trabalho e, principalmente, ótimos resultados.
Quando você evita atuar com esse estilo gerenciamento, você se desprende das etapas executiva e operacional dos processos. A partir daí, é possível se tornar um gestor realmente proativo no sentido holístico, capaz de delegar tarefas e otimizar processos.
Mais do que isso, os benefícios vão além de reduzir seu tempo gasto com a operacionalização. Afinal, com esse remanejamento, você vai poder liderar, de fato, se concentrando em auxiliar cada membro do time a alavancar sua atuação individual. Ou seja, treinando-os e guiando-os a aproveitar as oportunidades de aprimoramento.

Busque empoderar sua equipe

Você conhece o real significado da palavra “empoderamento”? Ele se trata de um processo que nos permite assimilar que fazemos parte de um grupo maior. É o processo de perceber seu papel em algo grandioso. Por isso, empoderar alguém está sempre ligado ao sentido de coletivo. Percebe como esse conceito se encaixa bastante com as competências necessárias em um gestor?
Todo gestor precisa ser capaz de empoderar a sua equipe! Quando você se propõe a ser proativo e manter sua equipe preparada, tanto para a rotina quanto para as possíveis adversidades, é indispensável se basear no empoderamento. Afinal, é por meio da construção dessa consciência coletiva que uma grupo de pessoas se reconhece como equipe, e que essas pessoas se reconhecem como componentes importantes de uma empresa.

Quando um gestor deve investir em treinamento e desenvolvimento?

Existe formas variadas de cultivar esse senso de coletividade e fazer o time vestir a camisa da empresa. Veja alguns exemplos:

  • abra espaço para que os colaboradores exerçam autonomia e tenham responsabilidade;
  • mantenha o time alinhado sobre o andamento de suas conquistas;
  • engaje a equipe com os valores e a cultura da empresa de forma condizente, prática e real;
  • alinhe os objetivos pessoais de cada integrante com os objetivos da empresa.

Comprometa-se com a proatividade

Ser proativo nada mais é do que ser antecipatório. Atualmente essa capacidade de antecipar e se preparar para um objetivo tem sido bastante negligenciada pelas pessoas em geral. Claramente, essa mudança de comportamento impacta bastante no aspecto profissional.
A primeira coisa que fazemos ao acordar é checar o celular, e a última, antes de ir dormir, também. Recebemos mensagens instantâneas em aplicativos diversos, e simplesmente reagimos a essas “chamadas”. Com isso, deixamos de planejar nosso dia, e perdemos a chance de gerenciar melhor nosso tempo, até mesmo quando temos tempo livre.

Como engajar os colaboradores a contribuírem para a satisfação do cliente

Se você quer se tornar um gestor proativo, você precisa, primeiramente, ser uma pessoa proativa. Observe qual tem sido o seu perfil ultimamente. Você anda mais reativo e distraído, seguindo o fluxo das demandas que surgem aleatoriamente?
Está na hora de se comprometer com a proatividade! Tome as rédeas e defina prioridades. Você pode, e deve, planejar seu dia dentro e fora do trabalho com as atitudes corretas. Confira algumas práticas importantes para aumentar esse comprometimento a seguir.

Priorizar tarefas

Uma boa prática é separar momentos específicos para responder a chamadas interruptivas e instantâneas, inclusive se forem mensagens relacionadas ao âmbito profissional. Priorize as suas tarefas principais e se comprometa a responder novas demandas somente após a realização de uma dessas obrigações.

Evitar distrações

Se você tiver que checar suas redes sociais, seja rápido. Se apegue menos às recompensas rasas e passageiras que a troca de mensagens e interações online oferecem. Assim, você sempre mais tempo para concretizar conquistas que vão contribuir mais profundamente para a sua autoestima enquanto pessoa e enquanto gestor.

Ter um ócio criativo

Invista em preencher seu tempo livre com atividades que tragam realizações e benefícios reais, a nível pessoal e profissional. Realize um treinamento consigo mesmo e antecipe suas atitudes. Por exemplo, ao acordar, comece o dia praticando uma atividade física ou criativa de que você goste. Restam 15 minutos livres antes de finalizar seu horário de almoço? Aposte na leitura daquele livro que você vem adiando há dias.

Agora que você conferiu as práticas vista até aqui, ficou claro para você o quanto a proatividade faz a diferença? Ela ter o poder de transformar um gestor em um verdadeiro líder! Porém, lembre-se: a liderança anda de mãos dadas com o seu desenvolvimento pessoal.
Investir nesse aprimoramento é indispensável para desenvolver ainda mais diferenciais. Que tal se dedicar agora ao tema da liderança? Confira agora mesmo esse artigo sobre como a liderança autêntica te permite trabalhar para inspirar o melhor em cada ser!

Levamos a sua privacidade a sério

A ID Singular mantém-se fortemente empenhada e comprometida na gestão, no monitoramento e na conformidade legal e regulatória de todas as suas atividades de tratamento de dados pessoais, sejam elas desempenhadas diretamente pela companhia ou por parceiros, operadores de dados pessoais.

Todos os funcionários e parceiros operadores de dados pessoais estarão submetidos aos princípios de privacidade e proteção de dados estabelecidos no Código de Ética e Conduta, na Política Corporativa de Privacidade e nas demais normas setoriais que versarem sobre o tema, em conformidade com todos os princípios e regras de proteção de dados previstos na legislação brasileira.

A Data Protection Officer da ID Singular é Sabrina Alcici. Se você possui qualquer dúvida ou reclamações sobre como tratamos o seu dado pessoal, por favor, contate nossa Data Protection Officer no endereço lgpd@idsingular.com.br.

Se você deseja exercer seus direitos de acessar, retificar, deletar ou se recusar ao tratamento de seus dados pessoais, envie um e-mail para: lgpd@idsingular.com.br

Política de privacidade ID Singular